Um elemento essencial da experiência do consumidor na Pierre Fabre: a cadeia de abastecimento

19 de Dezembro de 2019

A cadeia de abastecimento é um processo essencial que liga a empresa aos consumidores. A disponibilidade dos produtos das nossas marcas (Eau Thermale Avène, Klorane, Ducray, Dexeryl, Eludril, Elgydium, Naturactive, etc.) depende da execução perfeita, milhões de vezes por dia e em todo o mundo. Para apresentar um desempenho ainda melhor, a empresa enriquece-se com novas funções na cadeia de abastecimento e atrai novos perfis.

Image

O cliente sempre em primeiro lugar 

O consumidor procura desde logo a disponibilidade do seu produto, o que constitui o primeiro indicador de uma experiência do cliente bem-sucedida. O nível de exigência é cada vez mais elevado, tendo em conta que a inovação tecnológica e os novos modelos de distribuição banalizam o imediatismo. E tal não depende propriamente do modo de compra (comércio eletrónico, ponto de venda, "travel retail", etc.).
Mais do que nunca, importa integrar este conceito omnicanal na nossa estratégia de distribuição. De facto, fabricar o melhor dos produtos não tem qualquer interesse se o mesmo não chegar aos consumidores quando e onde os mesmos pretenderem.

 
A disponibilidade dos produtos é o primeiro investimento em marketing da empresa. Marketing e logística fundem-se quando se trata de oferecer uma experiência de consumidor bem-sucedida


Francis Héritier
Diretor de distribuição do grupo

Sem colaboração não há melhoria

Qual é o modelo de uma cadeia de abastecimento eficaz segundo a Pierre Fabre? Integrada e colaborativa. O nosso objetivo consiste em prestar um serviço perfeito com base numa cadeia de partilha e colaboração entre todas as funções.

  • A colaboração interpessoal

 A inteligência dos sistemas de informação e a exploração dos dados estão na base do bom funcionamento industrializado da cadeia de abastecimento. Mas é a colaboração entre equipas bem sincronizadas que confere o valor acrescentado que permite interpretar melhor os movimentos por vezes erráticos dos nossos mercados.

  • A colaboração entre organizações

Ao implementar uma comunicação de qualidade e regular, o Grupo assegura a fluidez da cadeia de logística com o conjunto dos intervenientes em todo o mundo: filiais internacionais, parceiros de logística e distribuidores.

  • Uma ação de abertura

Fornecedores, prestadores de serviços de logística, distribuidores, retalhistas do comércio eletrónico, etc. dispõem de inúmeras oportunidades para inventar serviços novos com vista a criar valor acrescentado. Uma ação de inovação aberta, reflexo do ADN da empresa, que também se aplica à distribuição. 

Ao estabelecer parcerias estratégicas, cria-se a oportunidade de partilhar ideias. Através desta proximidade, a riqueza de dois universos diferentes favorece a inovação e a diferenciação


Francis Héritier
Diretor de distribuição do grupo

Image

Novas competências para transformar a cadeia de abastecimento

O objetivo atual da empresa é claro: aproximar a taxa de sucesso do serviço ao cliente dos 98%. O OTIF (On Time In Full) é o indicador que mede a percentagem de encomendas entregues completas à primeira. Este índice de qualidade do serviço ao cliente apresenta uma curva ascendente desde 2017.
Paralelamente a este objetivo, pretendemos agir sobre a redução dos stocks, a otimização dos custos de distribuição e a redução do prazo de entrega.

Para superar este desafio, procuramos perfis técnicos que dominem as novas tecnologias e as ferramentas relacionadas com o comércio eletrónico. Estas funções devem fazer-se acompanhar de competências sociais como as que se seguem.

  • Compreender o consumidor
  • Estar ao serviço do cliente
  • Prestar atenção aos mercados
  • Ter curiosidade relativamente aos outros
  • Adaptar-se às mudanças do mercado, nomeadamente na dimensão omnicanal
  • Colaborar para promover uma cadeia de abastecimento integrada

Com a mesma atenção ao consumidor, os colaboradores do presente e do futuro participarão na transformação profunda da cadeia de abastecimento em resposta aos desafios dos nossos mercados.